Cuidado: quem? como?

Nas dimensões da amizade, temos o cuidado como parte integrante dos exercícios que devemos praticar no nosso dia a dia. Mas devemos ter cuidado com quem? Que cuidados precisamos exercitar em nossa vida? Já pararam para pensar nisso?

Cuidado consigo mesmo:

A nossa vida, muitas vezes, é muito corrida e, por isso, vários momentos passam despercebidos, mas o cuidado está sempre presente na nossa caminhada.

 

O primeiro cuidado que temos que ter é com nós mesmo, sem isso, como exercitar a amizade/cuidado com os outros?

 

Os desafios são muitos, mas precisamos cuidar do nosso corpo, instrumento da nossa caminhada na Terra. Sim, a saúde é fundamental para que possamos desempenhar o que planejamos para a nossa encarnação.

 

Outro autocuidado importante é o da educação intelectual e moral, fator fundamental na nossa trajetória em busca do aperfeiçoamento.

 

“Vós outros, fariseus, pondes grande cuidado em limpar o exterior do copo e do prato; entretanto, o interior dos vossos corações está cheio de rapinas e de iniquidades. Insensatos que sois! Aquele que fez o exterior não é o que faz também o interior? “(S. LUCAS, 11:37 a 40.) 1

 

Cuidados na família:

A nossa vida em família é recheada de cuidados, não é verdade? Temos que cuidar quando somos filhos, quando somos pais, quando somos avós… A família é um laboratório em que aprendemos os primeiros passos no cuidado com o próximo. Os espíritos venerandos da Codificação nos esclarecem 2 que o choro do bebê ao nascer é o primeiro alerta para os pais, é pelo choro que o bebê envia a seguinte mensagem: “Preciso de cuidado, mamãe e papai!” Não é lindo? É a sabedoria Divina em todos os momentos da nossa vida.

“[..] A criança necessita de cuidados especiais, que somente a ternura materna lhe pode dispensar, ternura que se acresce da fraqueza e da ingenuidade da criança. [..]” 3

 “Ó espíritas! Compreendei agora o grande papel da Humanidade; compreendei que, quando produzis um corpo, a alma que nele encarna vem do espaço para progredir; inteirai-vos dos vossos deveres e ponde todo o vosso amor em aproximar de Deus essa alma; tal a missão que vos está confiada e cuja recompensa recebereis, se fielmente a cumprirdes. Os vossos cuidados e a educação que lhe dareis auxiliarão o seu aperfeiçoamento e o seu bem-estar futuro. Lembrai-vos de que a cada pai e a cada mãe perguntará Deus: Que fizestes do filho confiado à vossa guarda?” 4

 

Na velhice, as necessidades de cuidados muitas vezes se invertem. Isso é natural! Temos a oportunidade de retribuir todo cuidado que recebemos dos nossos pais e avós. Não devemos medir esforços para proporcionar uma vida saudável e confortável para os nossos idosos. Sobre esse assunto específico, lembramos de Chen Xing Yin, agricultor de 41 anos que vive em uma cidade do interior da China. Ele não tem os dois braços, mas isso não é empecilho para ele cuidar de uma lavoura, que é o sustendo de sua família e de sua amada mãe de 91 anos de idade.

 

A alimentação do corpo nos alimenta a alma com esse exemplo!

 

 

“[..] Honrar a seu pai e a sua mãe, não consiste apenas em respeitá-los; é também assisti-los na necessidade; é proporcionar-lhes repouso na velhice; é cercá-los de cuidados como eles fizeram conosco, na infância. [..]” 5

 

O cuidado com o amigo:

Praticamos o cuidado em família, mas podemos e devemos ampliar o nosso cuidado para com os nossos amigos. Ter amigos é ampliar a nossa família sob a ótica dos laços afetivos e espirituais. A sociedade com todos os seus organismos: família, escola, trabalho, religião, … proporciona terreno fértil para a construção de amizades. Não raro nos encontramos com antigos amigos, de outras vidas, para juntos fortalecermos nossos vínculos de amizade.

 

Lembramos da história de Dylan Siegel de 6 anos e Jonah Pournazarian de 7 anos. Eles nos ensinam muito sobre cuidado. Diante de uma doença grave do amigo Jonah, o que Dylan poderia fazer com apenas 6 anos de idade? Dylan compõe um livro de 16 páginas, escritas e desenhadas a mão, e direciona toda a arrecadação da venda para o tratamento do amigo Jonah. A notícia do livro se espalha, e novas edições precisam ser feitas para atender a demanda. Ele arrecada 200 mil dólares! Conhecem a história do “Chocolate bar”? Vejam o vídeo a seguir:

Devemos cuidar do amigo sem exigir nada em troca! Muitas amizades terminam (ou ficam adormecidas), porque esquecemos isso! Já aconteceu isso com você?

Cuidar é um exercício de dar sem cobrar. O maior amigo que já tivemos na Terra , o Mestre Jesus, é a maior exemplificação do cuidado amoroso que devemos ter com todos.

 

Referências:

1 – ESE – Cap VIII –  Bem aventurados os que tem puro o coração –  VERDADEIRA PUREZA. – MÃOS NÃO LAVADAS

2 – Livro dos Espíritos – Perg 384

3 – ESE – Cap VIII –  Bem aventurados os que tem puro o coração – Simplicidade e pureza de coração

4 – ESE – Cap XIV – Honrai a Vosso pai e vossa mãe – Ingratidão dos filhos e os laços de família

5 – ESE – Cap XIV – Honrai a Vosso pai e vossa mãe -Piedade filial

6 – Consultado em 23/01/2017 : https://catracalivre.com.br/geral/inusitado/indicacao/homem-que-nao-tem-bracos-usa-boca-para-alimentar-a-mae/

7 – Consultado em 23/01/2017: http://www.hypeness.com.br/2013/09/menino-de-6-anos-escreve-livro-e-junta-200mil-para-ajudar-amigo-doente/



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *